quinta-feira, 16 de junho de 2016

Memórias da Época - Resenha de "O JULGAMENTO DO INCRÍVEL HULK" Extraída da Publicação "SET: Cinema e Vídeo".



"É o mesmo de sempre, na hora da raiva ele fica verde, enfurecido e os algozes são implacavelmente abatidos. Mas o problema maior deste, "O Julgamento do Incrível Hulk", é que pouca coisa funciona desde uma história confusa. A pseudo-seriedade do roteiro, causa irritação. O apático Bill Bixby (que é também o diretor), tenta em vão ressuscitar uma série de tevê de grande sucesso na década de setenta, mas só consegue passar tédio e uma extrema falta de talento."



Nenhum comentário: