sexta-feira, 6 de abril de 2018

O que restou para Banner e Hulk no futuro pós-apocalíptico.



Nos anos 90, Peter David escreveu uma minissérie em duas partes intitulada "Future Imperfeito". Nela vemos o Hulk sendo transportado a muitos anos no futuro para impedir a onda de insanidade que a sua versão malévola "O Maestro" anda cometendo.



Na teoria, o Maestro seria o Hulk original de suas primeiras histórias, o verdadeiro monstro que restou de uma destruição na qual nenhum herói viveu para contar história. E a única coisa que poderia matá-lo seria a primeira bomba gama que deu vida ao Hulk.





Nada restou para Bruce Banner a não ser a insanidade devido ao fato de sua solidão e das pessoas ao seu redor que foram mortas por conta das destruições causadas pelo Hulk.





Hulk e Banner serão os últimos titãs que prevalecerá na era da apocalipse (observação: não estou fazendo qualquer menção ao evento relacionado com os X-Men). Tudo o que restou para eles é o vazio e a destruição como única forma de sobrevivência. Mas o futuro por futuro ainda não está definido, e do contrário do Maestro, o Hulk estaria longe de morrer na explosão da bomba gama que o criou. Esses são apenas exemplos do que aguarda Bruce Banner e seu alter ego para os próximos anos. Morte, destruição, insanidade e solidão.







Nenhum comentário: